Coordenada

Desce mais um Rum!

Diário de Bordo de Jowfish.
Segunda-feira, 25 de outubro de 2010.

Pensa num maluco feliz! Pensou? Agora multiplica por uns quinze. Pronto? Não chegou nem perto do que eu to sentindo.
Por quê?!
Porque agora eu posso PROVAR que nossas aventuras são reais! Você, nobre Marujo que pensava que não viajávamos de verdade... Que ficávamos sentados no timão coçando a barba longa... Agora você verá que nós VIAJAMOS atrás dos mais diversos tesouros...
Como?

Simples: Em comemoração aos nossos mais de 2 000 acessos, em UM MÊS E MEIO, hoje nós temos SORTEEEEIOOOOO [EEEEEEEE (clap clap clap)]!!!
“Qual é esse sorteio?”, você me pergunta.
Melhor que dizer quem foi a víti... Quer dizer, o parceiro, vou mostrar o que vai ser promocionado:



Pois é. Um livro AUTOGRAFADO pelo PRÓPRIO Rafinha + Marcador de páginas do Aura de Asíris!
Isso, agora vai lá enxugar a baba que tá escorrendo... Se pingar no teclado já viu, né?!
Pronto?! Então vamos lá!



Quem é o ser: Rafael Lima

O que faz da vida: Escritor, webdesigner e publicitário.
Chegou no mundo: 22/04/1986.
Estacionado em: Rio de Janeiro - RJ. 

OPL: Sinceridade em primeiro lugar: você gosta de ler?
R.L: Demais.
OPL: Qual o seu grau de contato com a leitura?
R.L: Olha, não chego a ser um viciado, mas estou sempre lendo alguma coisa. Sempre estou com um ou dois livros para terminar e todo dia acompanho novidades, seja no papel ou na internet. Noticias sobre o mundo do entretenimento são minhas favoritas.
OPL: Teste de memória: Lembra o 1º livro que te marcou?
R.L: Bem, se formos lá atrás, na minha infância, teve um romance/RPG chamado "O Grande Segredo" que foi o primeiro livro, até onde eu lembre, que me marcou.
Era de um garoto que ia parar em um mundo fantástico, sombrio até, e você, como ele, deveria escolher caminhos (que te levavam para páginas diferentes). Era o caminho do Bem e do Mal, algo assim. Lembro que a história era muito boa e os personagens interessantes.
Lembro que você até ficava com medo de pegar o caminho errado.
OPL: A currupacaiada (coletivo de papagaios piratas) diz que você é webdesigner e formado em publicidade. O que te trouxe a escrever?
R.L: Não sei ao certo. Eu sempre gostei de escrever redações escolares e sempre tirava notas boas nelas. Mas ficção mesmo, tudo começou com o "Aura de Asíris - A Batalha de Kayabashi".
Foi a primeira história que surgiu na minha cabeça que precisava ir, de qualquer forma, para o papel. Depois de começar a escrevê-la, outras ideias surgiram e eu me interessei mais tanto pela escrita quanto pela leitura.
OPL: E por que você escreve?
R.L: Às vezes, é tipo quando você está com sede ou vontade de ir ao banheiro. Necessidade fisiológica. A semente da história brota na cabeça, aí se desenvolve, se desenvolve... Tem uma hora que a mente fica pequena demais para ela e você se sente na obrigação de começá-la no Word.
No entanto, ao menos para mim, se eu não fosse apaixonado pelas coisas que escrevo, não terminaria.
OPL: E para quem você escreve?
R.L: Primeiro, a história tem que ficar boa para mim. Eu me empenho o máximo, altero, acrescento, retiro mil coisas até que eu consiga. Depois, fico curioso para saber o que os outros vão achar dela.
OPL: Algum público em especial? [sim, sou insistente]
R.L: Não. Esse lance de público é muito relativo. Com o Aura, houve tantos adolescentes quanto adultos me procurando para dizer o quanto gostaram da história. Admiro quem consegue escrever pensando, acima de tudo, em um público-alvo (se é que existe alguém que faça isso).
Essa hipótese é uma coisa meio fria. Uma história não é uma campanha publicitária. É algo pessoal, com a qual você se envolve emocionalmente.
OPL: Alguns autores dizem que as ideias para escrevermos vêm do nada. Outros, que tudo vem de alguma referência. Em qual das duas, o Aura de Asíris se encaixa?
R.L: Nenhuma ideia vem do nada. Nada é algo absoluto, você sempre usa alguma parte de sua bagagem cultural para criar coisas. Como está até na capa do "Aura", minhas principais referências para escrevê-lo são Dragon Ball Z, Final Fantasy e Star Wars.
Desde o princípio, pensei em bolar um enredo na linha de FF (os títulos tecnofantásticos). Sempre me interessei por "coisas" futurísticas e, ao mesmo tempo, certos valores humanos presentes em histórias medievais, como heroísimo, redenção e sacrifício. Aí resolvi misturar as duas coisas.
OPL: Se essa fosse sua última visão antes de pular da prancha, quais seriam suas últimas palavras?
R.L: Agradeço àqueles que já adquiriram o "Aura" e desejo, a todos, um futuro com muita sabedoria e tranquilidade. Leiam mais! 
OPL: Libera o Currupaco: Um livro?
R.L: Ensaio sobre a cegueira, José Saramago
OPL: Um filme?
R.L: Matrix
OPL: Uma banda?
R.L: U2
OPL: Uma paixão?
R.L: Flamengo
OPL: Uma meta?
R.L: Que, um dia, eu fique rico fazendo apenas o que gosto (sonho comum, né? Resposta coringa).
OPL: Um sonho?
R.L: Conhecer zilhões de lugares mundo afora.
OPL: É isso. Muito obrigado pelo tempo, Rafa. Que os Deuses de Asíris acompanhem-no em sua jornada.
R.L: A todos nós, que eles acordem com o pé direito todos os dias. Eu que agradeço a oportunidade.

Legal... Agora como eu faço pra participar?
Muito simples:
1.                      Precisamos saber se você é um Marujo. Ainda não é?! Fácil. Vai no “Marujos” ali do lado e clique em seguir [PUBLICAMENTE]. Só precisa de um Orkut, ou Twitter, ou uma conta no Yahoo.
2.                      Temos que saber quem é você! Então deixe um comentário AQUI NESTE POST, dizendo qual é o seu nome de Marujo [o seu nome de seguidor do blog].

Muito simples, não é?
Mas claro que você não tá contente!
Você é um pirata, não é?!

Então, Para quem quiser UMA chance a mais de ganhar ao livro Aura de Asíris – A Batalha de Kayabashi, dê RT, na seguinte frase:
#promo O Aura de Asíris + Marcador de página que o @raglima e o @jowfish tão sorteando JÁ SÃO MEUS http://ow.ly/2YEjU #OsPiratasdaLiteratura

>>ATENÇÃO<<
Os comentários e RTs serão válidos até o dia 07/11/2010 [domingo] até as 23h59m59s.
Comentários desse sorteio em outro post NÃO serão considerados.
O sorteio será realizado no dia 08/10/2010 [segunda-feira] pelo site random.org.
Boa sorte a todos.
Até mais, pessoal.

Angel in Tears disse...

Tá pra mim!
angel_in_tears7

Carolina disse...

Eu quero esse livro *-* bjs

Carolina Saldanha Carminati

Camila disse...

vamos tentar a sorte (:
Camila Brambila

maria carolina disse...

Vamos ver né, quem sabe eu ganho 8)
Maria Rodrigues

Rafael Soares disse...

Se a carol ganhar é mancada :p AUHSDHUASFHUASHUDUHA brinks ;x
mr8raffa

Natália disse...

é meu, é meu *-*
aiehiuaeh

Phodásticas disse...

Opá, quero ganhar. 8D Já estou participando.

Tami disse...

aaadorei dmais! eu queeero *-*
tô participaando :D
- Tamires Goulart Cardoso.

Natália disse...

meu nome é Natália!
aiuheaehiuaehiuahe

Natália Dias.
HAAAAA!

Valeska Petek disse...

Se ganhar leio e depois empresto pro meu irmão (aposto que por propagar a leitura deveria ganhar! haha)

Valeska Petek :)

Juliana disse...

Como companheira de blog, mereço o livro! hehehehe

Juliana Lacerda

analigia_cm disse...

Oi! eu quero este livro, mas se nao for bom eu mato o Jow Jow!
kkkk

analigia_cm

Tripulação disse...

O QUÊ?! UM MOTIM?!Esses Marujos... Cada dia mais abusados...

Ito disse...

Eu mereço esse livro porque todos os dias discrimanado pelas pessoas fdp da minha faculdade por eu ser homossexual e ser casado com o jowjow

tomazsp disse...

Eu que mereço o livro, mas pode dar para o Ito, pobrezinho discriminado!

Tripulação disse...

Tem Marujo IMPLORANDO pra pular da prancha... Depois que jogamos pro Kraken, fala mal do capitão...Tsc, Tsc...

EmersoOn disse...

Quero o LIVRO, adoreii ^.^

jessica disse...

Jessica Trindade

hsuahsua
(:

Hugo (Jiraya/Jaspion, como quiser) disse...

êpa, n sou pirata não!!! Os software que tenho, ou são software livre ou foram comprados (os comprados só foram os da Micro$oft)

Ok, eu só tenho uns jogos pirateados, mas é só um jogo...

Willian disse...

Hey ho lets go
Willian Vasconcelos

JYM disse...

É sempre bom descobrir um novo livro pra se debruçar em cima dele e viajar por entre suas paginas de aventuras e descobertas infindáveis =D
Tentando a sorte ^3^

thaaiis disse...

aain Eu quero o livro, ADOOREEEEEEEI *-*

Luciana disse...

Ah quero o livro como boas vindas e presente por ser a 49ª seguidora...hauahuhaha

Guilherme Magri da Rocha disse...

Não entendi o que é pra fazer.

Larissa Vicentini. disse...

Dois pontos que achei interessante na fala dele: primeiro sobre não pensar no público alvo - o que mostra que ele está fazendo o que gosta porque gosta e não o que os outros gosta para vender. Outra coisa foi admitir que nada nasce do nada... Reconhecer a bagagem cultural é admirável a meu ver.